Fórum Romano

Fórum Romano

segunda-feira, 14 de agosto de 2017

Ruas, ruelas e miradouros de Lisboa

Lisboa... ah, Lisboa... Como olhar as fotos e não suspirar? 
Lindas ruelas, portas decoradas com os altares a Santo Antonio, flores, souvenirs e ecos de um saudoso e grandioso passado. 
Andar pelas ruas de Lisboa e deixar-se absorver pelos sentidos: quanta beleza nos padrões geométricos dos azulejos, casarios simétricos, testemunhas da época da reconstrução pombalina, jardins, museus, restaurantes e muito mais para quem está disposto a andar e se encantar. 


Rua Augusta com seu Arco imponente e lojas de marcas famosas, além de muitas opções de restaurantes, lojas de lembranças e doces portugueses


Muitas lojas de porcelanas portuguesas nas calçadas centrais da Baixa


Travessa entre a Rua Augusta e Rua da Assunção - Ecos do Passado

Museu da Cerveja 


E essa escadaria com versos de Fernando Pessoa? S2
Tudo remete ao capricho e ao aconchego de uma Casa Portuguesa, comer o pastel de Bacalhau ao som do fado é sensacional! 


Comer: Imperdível!  Casa Portuguesa do Pastel de Bacalhau -delícia!
Loja: Rua Augusta, n˚ 106 a 108 – 4 euros cada bolinho “pastel”

Arco da Augusta





Vista de uma das janelas do Arco da Augusta 

Vista a partir do Miradouro do Elevador de Santa Justa


Custo: 2,5 cada entrada - grátis com o Lisboa card

Elevador Santa Justa - Ruínas do Carmo



Doces conventuais portugueses no Largo Do Rossio


As ruas que vão da Igreja da Sé ao Castelo de São Jorge são muito bonitas, as lojinhas são atrativas e algumas tem objetos únicos, muito além dos souvenirs tradicionais. Vale a pena ir andando, apesar de ser uma colina e a subida se acentuar em alguns pontos, a caminhada vale muito a pena.  
No caminho passa-se também pela igreja de Santo Antônio de Lisboa.





Lisboa - o Velho e o novo vôo




Encantada com os Altares a Santo Antônio nas portas e nas fachadas








Jardins em Belém



Estação Intendente 
"
Somos Casas
Quem está de fora
Não sabe o que se passa
Dentro das nossas paredes
Às Vezes há quem entre
E veja todas as fissuras
E imperfeições
Então há os que fogem
A sete pés, com medo
Que o tecto cais. 
E os que ficam: 
Na esperança de um 
Dia morarem em nós".
Pedro Rodrigues - Estação Intendente










Passeio pelo bairro de Alfama, passe pelo Panteão Nacional, essas atrações encontram-se do lado oposto da Estação Santa Apolônia, portanto, será necessário voltar à estação, subir as ruelas e se encantar com as lindas fachadas dos bairros.