Fórum Romano

Fórum Romano

sexta-feira, 8 de julho de 2011

O Nome da Rosa - Ensino Médio



.

Olá pessoal,

Conforme combinamos, primeiro descansaríamos, depois assistiríamos o ótimo filme: O Nome da Rosa do autor Humberto Eco.

Em 1327 William de Baskerville (Sean Connery), um monge franciscano, e Adso von Melk (Christian Slater), um noviço que o acompanha, chegam a um remoto mosteiro beneditino em algum lugar ao norte da Itália. William de Baskerville pretende participar de um conclave para decidir se a Igreja deve doar parte de suas riquezas, mas a atenção é desviada por vários assassinatos que acontecem no mosteiro: em sete dias, sete monges são mortos.
O abade solicita que William investigue os crimes, já que todos acreditavam que o diabo rondava o mosteiro. Mortes bisarras deixam os monges e os camponeses temerosos e assustados e a impressão é que as trombetas do apocalipse, uma a uma, se aproximam.
Aos poucos, em um ambiente sombrio e escuro, valendo-se da lógica, William chega ao ponto chave da história: a biblioteca do mosteiro com seu inestimável tesouro: os livros. A disputa entre o misticismo e o racionalismo é clara, principalmente no que refere-se à suposta obra de Aristóteles sobre o riso: “Talvez a tarefa de quem ama os homens seja fazer rir da verdade, porque a única verdade é aprendermos a nos libertar da paixão insana pela verdade”.
A dura regra dos monges beneditinos não permitia o riso, muito menos como mecanismo para se chegar à verdade, desta forma, o livro era proibido e não deveria ser lido, apenas mantido no acervo.
Eco sugere no O Nome da Rosa, um ambiente no qual as contradições, oposições, querelas e inquisições, no início do século XIV, justificam ações humanas, as virtudes e os crimes dos personagens, monges copistas de uma abadia cuja maior riqueza é o conhecimento de sua biblioteca.

Utilize as questões abaixo para produzir o texto resposta (uma única produção que deverá ser entregue na primeira semana de aula)

1) Assista o filme até o final, você precis compreender o mistério para responder: Qual a relação entre os livros e os assassinatos?
2) Faça uma breve sinopse do filme, reconte-o com suas palavras.
3) Na página 91, o livro texto apresenta a temática Escolástica, releia-a . Qual a relação entre São Tomás de Aquino, o tomismo e o filme? Explique.
4) Levando em conta o monge William de Baskerville, relacione-o à Alta ou à Baixa Idade Média. Justifique sua escolha.
5) O filme faz alusão à inquisição e ao medo que a chegada do inquisitor trazia ao conveto. Pesquise sobre este mecanismo de controle da Igreja e levante hipóteses para explicar por que muitos monges estavam apreensivos.
6) Termine seu texto explicando a seguinte afirmação: "Um homem da Razão em um mundo de fé cega"

Bom trabalho a todos!